sexta-feira, 27 de junho de 2014

Encontro Nacional de Redução de Danos recebe trabalhos

Encontro Nacional de Redução de Danos recebe trabalhos


Estão abertas entre 01 de julho e 15 de agosto o recebimento de trabalhos para o XI Encontro Nacional de Redução de Danos, que acontece em Aracaju (SE) entre os dias 11 a 14 de novembro. Serão recebidos trabalhos inéditos ( em formado de pôster) sobre experiências, pesquisas e ações de redução de danos aplicadas ao uso de álcool e outras drogas.

A comissão avalaidora escolherá até 30 trabalhos para serem apresentados durante o evento. Maiores detalhes na chamada abaixo:


CHAMADA PARA ENVIO DE TRABALHOS: POSTERES
XI Encontro Nacional da Redução de Danos


O XI Encontro Nacional da Redução de Danos, promovido pela  Associação Brasileira de Redução de Danos (ABORDA)  que acontece em Aracaju- SE entre os dias 11 a 14 de novembro de 2014, esta recebendo trabalhos inéditos sobre experiências, pesquisas e ações de redução de danos aplicadas ao uso de álcool e outras drogas, no formato de pôsteres, nas seguintes categorias:

1- Relatos de Experiências 
Apresentação de experiências relacionadas a ações de Redução de Danos envolvendo serviços de saúde, assistência ou outros bem como desenvolvidas por Organizações da Sociedade Civil.
2- Articulações e controle social 
Relato de ações desenvolvidas junto a fóruns de discussão e controle social (conselhos, GTs, comitês, comissões e outros) que tenham resultado em avanço na discussão e práticas de Redução de Danos.
3- Formação e educação em RD e AD
Atividades desenvolvidas que busquem ampliar visão, divulgar e produzir conhecimento sobre redução de danos e uso de álcool e outras drogas ( cursos, encontros, material informativo, ações de comunicação, grupos de estudo e discussão etc.)
4- RD e Interdisciplinaridade
Apresentação de ações que envolvam Redução de Danos em outras áreas ( Saúde Prisional, Saúde Indígena, Assistência Social, RD e gênero, Política de cultura, renda, trabalho  e redução de danos etc.) Ações de RD voltadas para crianças e adolescentes                (articulações intersetoriais com escolas, Conselhos Tutelares, Promotores e Defensores Públicos etc.)
5- Redução de Danos e DST/Aids e Hepatites Virais
Atividades que envolvam a estratégia de Redução de Danos aliada a ações de prevenção as DST. HIV/Aids. Hepatites Virais ou Tuberculose, assistência social e saúde ou outras ações que visem qualidade de vida dos pacientes e ampliação de práticas preventivas e educativas.



Prazos:

Inscrições para submissão de trabalhos: 01 de julho a 15 de agosto de 2014.
Resultado da seleção dos trabalhos: até 15 de setembro de 2014.


NORMAS GERAIS PARA APRESENTAÇÃO
1. Os Pôsteres inscritos devem ser encaminhados para avaliação para o endereço abordablog@gmail.com 
2. Cada expositor encaminhará a íntegra do seu pôster em versão eletrônica até às 23h59min do dia 15 de agosto.
3. Cada pôster deverá ter, no máximo, 5 (cinco) autores.
4. É obrigatória a inscrição no XI Encontro Nacional da Redução de Danos e o pagamento da referida taxa  de R$ 70,00 por pessoa ( durante o credenciamento no primeiro dia do evento), bem como a exposição do painel na sala das sessões do GT para efetivar a publicação e inserção nos anais.
5. As despesas de deslocamento, hospedagem e alimentação dos aprovados é de sua responsabilidade integral.
5. Cabe ao expositor fixar os pôsteres (no local destinado para tal) nos dias previstos pela organização.
6. Serão escolhidos até 30 trabalhos, sendo que  a cada dia do encontro 10 (dez) ficarão expostos em local determinado durante todo o dia, sendo reservados os espaços na programação para visitação onde os autores deverão permanecer para explicações aos visitantes.
6. A responsabilidade pela confecção do pôster é do expositor.
7. Regras para a confecção:
a) Tamanho do pôster: 0,90m de largura por 1,00m de altura.
b) O texto do pôster deve ser legível à distância de um metro.
c) A fonte utilizada deve ser de fácil leitura.
d) As cores do painel devem combinar para permitir uma boa visualização.
e) O papel utilizado não pode ser muito pesado, por dificultar a fixação.
f) As informações devem priorizar a visualização das ideias centrais.
g) Podem ser utilizadas figuras, imagens, tabelas, ilustrações bem visíveis.
h) O painel deve despertar o interesse do público.
i) O pôster dever conter no espaço superior centralizado as seguintes informações:
- Número e nome da categoria
- Título do trabalho (com letras maiúsculas);
- Autor/es
- Instituição do autor;
- Agência de fomento da pesquisa (se houver);
- Objeto e objetivos: definição do objeto, dos objetivos;
- Metodologia: explicitação breve da metodologia ou forma de abordagem da pesquisa e das fontes utilizadas;
- Resultados/conclusões: destacar os principais resultados a partir dos objetivos propostos.





MEMBROS DA COMISSÃO AVALIADORA
Christiane Sampaio Psicóloga, Especialista em Saúde Coletiva, Mestre em Educação pela UFSM - Universidade Federal de Santa Maria. Assessora em Álcool e Drogas pela Superintendência de Saúde Mental da Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro. Diretora da ABORDA e Psicotropicus.
Evandro Almeida Cientista das religiões, terapeuta comunitário e educador popular, Pesquisador do GEC- Grupo de Estudos Culturais-/UFPB, Articulador suplente da ABORDA no Estado da Paraíba, Integrante do Coletivo Autônomo de Redução de Danos - CARD/PB
Leandro Roque Psicólogo, Especialista em Saúde Mental e Gestão da Saúde; mestrando em Política Social pela UFPB. Pesquisador do SEPSASS (Setor de Pesquisa em saúde e Serviço Social/UFPB), orientador do projeto Caminhos do Cuidado (MS), integrante da Frente Paraibana de Drogas e Direitos Humanos (FPDDH) e do CARD/PB (Coletivo Autônomo de redução de danos)
Liandro Lindner Jornalista, Especialista em Projetos Sociais, Especialista em Comunicação e Informação em Saúde, Mestre em Comunicação e Saúde, Doutorando em Saúde Pública, Docente da Escola Municipal de Saúde de São Paulo, Tutor do projeto Caminhos do Cuidado..
Nara Santos Formada em Letras, Especialista em Relações Internacionais, Especialista em Bioética, Mestre em Bioética pela Universidade de Brasília. Oficial de Programa e presta assessoria técnica em atividades e projetos relativos aos temas do mandato do UNODC no campo da saúde.
Marcelo Araujo Campos Médico, especialista em Medicina Preventiva e Social, e em Infectologia.
Vera Da Ros Psicóloga, Mestre pela PUC/SP, assessora técnica/consultora da área de redução de danos, drogas e Aids  junto a ONU e ao Ministério da Saúde. Presidente da REDUC – Rede Brasileira de Redução de Danos e Direitos Humanos
Wagner Morais, Psicólogo, pós-graduando em Atenção Integral ao Consumo e Consumidores de Álcool e Outras Drogas, coordenador da Estratégia de Redução de Danos de Aracaju (SE)


10 comentários:

só poderão participar as pessoas que tiverem uma proposta , ou podera ir pessoas como espectador?

Podem participar até 150 pessoas devido aos limites do local do evento.

boa noite sou de Bragança Paulista Sp Trabalho dentro do Programa Municipal de DST AIDS e gostaria de saber se tem como participar como observador por conta propria sem gerar custo nenhum ao evento e se tiver como posso me inscrever desde ja agradecido pela atenção meu email para contato grupoviver2005@yahoo.com.br

Olá, eu sou de Sao Paulo e gostaria de saber se é possível mandar mais de um poster e qual o valor da inscricao, por favor.
Grata

Pode mandar quantar até tres trabalhos, a taxa é de 50,00 por participante.

Pode se robservador desde que dentro do limite de participantes. Enviei sua ficha e avaliaremos.

Bom dia!
Qual o local do evento em Aracaju?

Todos os autores dos trabalhos tem que estar inscritos no congresso independente de estarem ou não no evento?

Há uma possível data de divulgação dos trabalhos aprovados para apresentação no evento? Obrigado.

Postar um comentário